GENTE E NEGÓCIOS – Lins em desenvolvimento (1981)

Temos sidos inquiridos sobre um assunto de máxima importância sobre nós Linenses, se LINS está ou não se desenvolvendo – mormente agora que foi divulgado o resultado do CENSO 80. Deixando os resultados do CENSO 80 de lado, o qual de passagem respeitamos e consideramos válido, colhemos aqui e ali pequenas amostras que ora noticiamos.

Andando pelos bairros e pelo centro da cidade com o senso de crítica ligado, podemos avistar as inúmeras construções novas de residências e de prédios comerciais; reformas e reparos em maior quantidade; empresas que trabalham com material de construção e congêneres trabalhando a todo vapor, dobrando e por vezes triplicando suas vendas, escritórios de engenharia que se instalam; construtoras que expandem e diversificam os seus negócios; loteamentos são lançados, para da noite para o dia ter todos seus lotes vendidos e verificarem o início de residências e prédios comerciais; as companhias de serviço público – TELESP, SABESP e Cia de Força e Luz registram estes anos como os de maior índice de ligações, caminhões de coleta de lixo da prefeitura têm de modificar seus roteiros e alternar-se nas coletas no afã de limpar a cidade; nota-se nos bancos e nos escritórios de contabilidade uma atividade febril e incessante; constitui-se um parque industrial para logo ali se instalarem indústrias dos mais variados tipos; empresas estendem suas atividades e abrem filiais nos mais variados cantos deste Brasil que é nosso; lojas de grandes redes de supermercados para cá voltam sua atenção e resolvem cá se instalar, reconhecendo a boa praça que é nossa cidade; empresários de fora e inclusive estrangeiros aqui vêm se instalar, ganhar o seu pão de cada dia. E nós linenses, qual nossa contribuição a todo este movimento??? Nossa contribuição é e tem sido muito grande, pois o que estamos presenciando não é fruto de esforço isolado, mas sim de toda população.

Por estes fatos e muitos outros, você linense quando inquirido se sua cidade está ou não se desenvolvendo, deve responder com todo orgulho: está crescendo e eu sou parte desta situação. (WRM 13.02.1981).

Walmir da Rocha Melges – A Gazeta de Lins em 13 de fevereiro de 1981

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados para Walmir Melges | Desenvolvido por Consultoria Marketing - Criação de site

DMCA.com Protection Status

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?